6.02.2017

Lançamento "Dumplin" - Editora Valentina.

Bom dia meus queridos!!

Hoje trago pra vocês um livro que promete abalar todos os conceitos de beleza, de certo e errado e acabar com os padrões de mulher perfeita e feliz, hoje vou apresentar pra vocês o livro Dumplin, novo lançamento da Valentina.

SINOPSE: Especialmente para os fãs de John Green e Rainbow Rowell, apresentamos uma destemida heroína e sua inesquecível história sobre empoderamento feminino, bullying, relação mãe e filha, e a busca da autoaceitação. Sob um céu estrelado e ao som de Dolly Parton, questões como o primeiro beijo, a melhor amiga, a perda de alguém que amamos demais e “estou acima do peso e ninguém tem nada com isso” fazem de Dumplin’ um sucesso que mexerá com o seu coração. Para sempre.





Gorda assumida, Willowdean Dickson (apelidada de Dumplin’ pela mãe, uma ex-miss) convive bem com o próprio corpo. Na companhia da melhor amiga, Ellen, uma beldade tipicamente americana, as coisas sempre deram certo... até Will arrumar um emprego numa lanchonete de fast-food. Lá, ela conhece Bo, o Garoto da Escola Particular... e ele é tudo de bom. Will não fica surpresa quando se sente atraída por Bo. Mas leva um tremendo susto quando descobre que a atração é recíproca.

“Uma leitura gostosa e agradável para todos os adolescentes que, em algum momento, não se sentiram bem na própria pele.” School Library Journal

Ao contrário do que se imaginava – a relação com Bo aumentaria ainda mais a sua autoestima –, Will começa a duvidar de si mesma e temer a reação dos colegas da escola. É então que decide recuperar a autoconfiança fazendo a coisa mais surreal que consegue imaginar: inscreve-se no Concurso Miss Jovem Flor do Texas – junto com três amigas totalmente fora do padrão –, para mostrar ao mundo que merece pisar naquele palco tanto quanto qualquer magricela.

“A voz autêntica da protagonista leva o leitor a pensar sobre tudo que constrói – e destrói – a autoestima.” Booklist, resenha estrelada

 SOBRE A AUTORA: JULIE MURPHY vive no norte do Texas com o marido que a ama, o cachorro que a adora e os gatos que a toleram. Quando não está recordando deliciosos momentos de sua vida como bibliotecária, escrevendo ou mesmo tentando recolher animais abandonados, Julie pode ser encontrada assistindo a filmes feitos para a TV, caçando a perfeita fatia de pizza caprichada no queijo e planejando sua próxima grande aventura turística. Após abandonar a profissão de bibliotecária (quanta saudade!), Julie agora é escritora em tempo integral. Seu aclamado romance de estreia se chama Side Effects May Vary. Visite Julie em www.juliemurphywrites.com



Estou super curiosa e louca para colocar minha mãozinhas nesse lindo. E vocês o que acharam desse lindo??

 PREÇO
R$ 39,90
 FORMATO
16x23 cm
336 páginas
 CATEGORIA
Ficção
 PÚBLICO / IDADE
Jovem Adulto (+13)
 E-BOOK
e-ISBN: 978-85-5889-032-8
Preço: R$ 29,50 

Super beijos!!
;**

5.24.2017

Resenha "Big Rock" - Faro Editorial

Bom dia pessoas lindas!!!

Na resenha de hoje vou falar de um livro que recebi de cortesia da Faro Editorial e que alguns posts atrás (este) falei sobre a expectativa que estava sobre ele.

Vamos primeiro a sinopse, depois aos meus comentários.

SINOPSE: “A maioria dos homens não entendem as mulheres.”
Spencer Holiday sabe disso. E ele também sabe do que as mulheres gostam.
E não pense você que se trata só de mais um playboy conquistador. Tá, ok, ele é um playboy conquistador, mas ele não sacaneia as mulheres, apenas dá aquilo que elas querem, sem mentiras, sem criar falsas expectativas. “A vida é assim, sempre como uma troca, certo?”
Quer dizer, a vida ERA assim.
Agora que seu pai está envolvido na venda multimilionária dos negócios da família, ele tem de mudar. Spencer precisa largar sua vida de playboy e mulherengo e parecer um empresário de sucesso, recatado, de boa família, sem um passado – ou um presente - comprometedor... pelo menos durante esse processo.
Tentando agradar o futuro comprador da rede de joalherias da família, o antiquado sr. Offerman, ele fala demais e acaba se envolvendo numa confusão. E agora a sua sócia terá que fingir ser sua noiva, até que esse contrato seja assinado. O problema é que ele nunca olhou para Charlotte dessa maneira – e talvez por isso eles sejam os melhores amigos e sócios. Nunca tinha olhado... até agora.

Como eu comentei no post sobre o lançamento do livro, a história é bastante cliché e previsível e o que realmente dá um tchã na história é o fato de ser contada na perspectiva masculina.

Quando eu comecei ler o livro me deu uma raivinha da autora e do Spencer, meu primeiro pensamento foi "Mas que merda é essa?? Que cara babaca e convencido" mas dai, lembrei que estávamos pensando como um homem, um homem lindo, rico, solteiro e muito bem dotado kkkk então, pesnsando assim, passei a amar a história e os personagens.

Claro que ele é convencido, já vi e conheço homens que não são metade de um Spencer e conseguem ser pior do que ele (me desculpem garotos, mas digo a verdade e não estou generalizando ok?) e as garotas um recadinho, preparem-se para se apaixonar pelo Spencer porque apesar de tudo o que eu falei sobre ele ali acima, ele é um cavaleiro com as mulheres.

Ele deixa claro sempre o que quer com elas, e faz o possível para trata-las da melhor forma possível enquanto estão com ele.

“É assim que deve ser. A primeira regra de uma transa é esta: sempre dê prazer à mulher primeiro e, de preferência, repita a dose antes de pensar em receber. As duas regras seguintes são igualmente simples – não se apegue e nunca, jamais, seja um idiota. Eu sigo as minhas próprias regras e elas me dão uma vida boa. Tenho 28 anos, sou solteiro, rico e bem bonito.  E sou um cavalheiro. Por que será que não me surpreendo quando consigo uma transa?”

Nosso playboy é dono de um aplicativo de relacionamentos, o Namorado Antenado (um tinder da ficção) e também de uma pequena rede de bares The Lucky Spot, onde é sócio da sua melhor amiga Charlotte, de família rica, ele nunca quis assumir a joalheria do pai, por isso sempre foi atrás de conquistar o que fosse seu, por isso, quando o pai dele pediu que os filhos o ajudasse a fechar o negócio da venda das empresas, ele aceitou e decidiu fazer o que fosse necessário para ajuda-lo.

O relacionamento dele com a Charlotte sempre foi o de extrema amizade, eles sempre fizeram planos de saírem da faculdade e abrirem juntos um bar e assim fizeram. Apesar de ambos acharem um ao outro muito bonitos, nunca passou pela cabeça de nenhum que algo a mais pudesse acontecer entre eles, então usavam dessa profunda amizade para tirarem um ao outro de situações embaraçosas, como por exemplo quando a Charlotte queria se livrar de algum carinha e o Spencer aparecia misteriosamente pagando de namoradinho dela (quem nunca teve um amigo (a) para fazer isso que atire a primeira pedra).

E foi por causa dessas ocasiões que durante um jantar com o possível comprador das lojas do pai que o Spencer, querendo ajudar claro, acabou falando que estava noivo da Charlotte. Isso foi uma grande surpresa, tanto para os Offerman quanto para sua família que jamais esperava por isso.

Estão achando que acabou ai?? Negativo, ele estava tão disposto a fazer com que esse negocio desse certo que em momento algum resolveu contar a verdade ao menos a sua família, assim, ele foi atrás da Charlotte e com muito custo e uma ajuda do destino conseguiu convence-la a entrar na mentirinha.

O que eu mais gostei na história foi a forma como eles fizeram essa mentira dar certo, os joguinhos que a Charlotte inventou para que não houvesse nenhum furo no noivado deles e os acontecimentos que levaram o Spencer a descobrir seus sentimentos pela amiga (não, não é spoiler).

Algumas regras foram feitas para serem quebradas.

A Charlotte é uma mulher que além de linda, é muitíssimo inteligente e bem resolvida, ela leva toda história com bastante humor e a personalidade dela fez com que tudo ficasse muito mais interessante.

As cenas de sexo são maravilhosas e bem detalhadas, então no quesito "hot" a autora não deixou a desejar. São poucas as autoras que conseguem escrever um livro na perspectiva masculina que nos convençam de que realmente estão sendo contados do ponto de vista masculino e a Lauren conseguiu.

Apesar da história ser previsível como já falei, é muito boa e possui alguns diferenciais de personalidade e alguns vários de humor. Ainda não é meu romance erótico preferido mas está entre eles com certeza. O livro é de leitura super rápida pois possui um bom espaçamento, as letras tem um bom tamanho e as folhas são grossas então da pra ler em poucas horas tranquilamente.

Fica minha indicação para quem gosta de romance erótico e espero que vocês gostem e me contem o que acharem da leitura.

Super beijos!!
;*

5.23.2017

Resenha "Mulheres Perigosas" - Editora Leya.

Olá pessoaas!!

Sabe aquele livro que quando a gente vê já fica com vontade de ler e quando lê a sinopse sente a necessidade? Pois é, Mulheres Perigosas foi assim pra mim, primeiro porque tem o dedinho do George R. R. Martin nele, segundo porque é um livro sobre mulheres fortes, marcantes e/ou perigosas e terceiro que o último conto é sobre a Dança dos Dragões da maravilhosa serie Game Of Thrones, então sim, eu precisava muito ler ele.

SINOPSE: George R. R. Martin apresenta as mulheres mais perigosas dos livros de fantasia.
No ano em que o filme Rogue One chega às telas com uma heroína que reina absoluta, forte e autônoma, você vai conhecer as mulheres mais perigosas da literatura de fantasia mundial. Editada por George R. R. Martin, esta antologia traz 21 histórias inéditas sobre magia, ciúme, ambição, traição e rebeldia para Joana D’Arc nenhuma botar defeito. Esqueça o estereótipo de mulheres vítimas e heróis másculos enfrentando sozinhos qualquer perigo. Aqui você irá encontrar mulheres guerreiras, intrépidas pilotas, destemidas astronautas, perversas assassinas, heroínas formidáveis, sedutoras incorrigíveis e muito mais. Assinado por monstros da ficção científica e fantástica como Brandon Sanderson, (“Mistborn”), Megan Lindholm (“A Saga do Assassino”, sob o pseudônimo Robin Hobb), Melinda M. Snodgrass, Caroline Spector (“Wild Cards”) e novos nomes da literatura jovem como Megan Abbott (A febre) e Diana Gabaldon (“Outlander”), o volume conta ainda com uma novela do próprio Martin sobre A dança dos dragões, a guerra civil que assolou Westeros dois séculos antes dos acontecimentos de A guerra dos tronos.
Mulheres perigosas é um livro simplesmente imperdível, daqueles que você não consegue parar de ler. Prepare-se para todo o tipo de perigo e para perder o fôlego com essas mulheres mais que poderosas.

O livro tem histórias maravilhosamente construídas, claro que não podia ser diferente com tantas feras reunidas, me surpreendi reconhecendo algumas histórias, como por exemplo o conto do Lev Grossman, que contou a história de uma personagem que vive em um mundo após os acontecimentos da série The Magicians (sim, acabei recebendo um spoilerzinho kkk).

Fiquei um pouquinho desapontada quando percebi que nem todas as histórias tinham como personagens de destaque Mulheres Perigosas então, acho que nesse quesito acabou fugindo um pouco da proposta empregada ao livro, lógico que todos os autores acabaram dando um jeito de mostrar ao leitor que "determinado acontecimento só ocorreu porque fulana tal, fez isso tantos anos atrás", mas me senti um pouquinho enganada sobre isso, minha expectativa era de que realmente as mulheres fossem f*#as pra caramba e que participariam das histórias de forma mais ativa. Logico que nem todas as histórias foram assim, algumas realmente tiveram essas mulheres como protagonistas e fiquei bastante contente com isso.

Mesmo com essa pequena curva na proposta, TODOS os contos, sem exceção, são maravilhosos, a maioria mesmo curtos, tem um início, meio e fim e todos acabaram deixando um gostinho de quero mais.

Quando cheguei no último e tão esperado conto, esqueci completamente qual livro estava lendo, me senti lendo GOT novamente e depois fiquei vegetando imaginando tudo o que li e o veio depois daquilo.

Super recomendo o livro, apesar das 736 páginas, é um livro de leitura rápida e fluida, pois a gente termina a leitura de um conto ainda mais curiosa sobre o que vem a seguir.

Dou 4 de 5 estrelas apenas pelo fato de que alguns contos mesmo sendo fantásticos, fugiram da ideia inicial do livro.

Quem quiser comprar o livro, vou deixar links de algumas lojas e vocês sintam-se a vontade para pesquisar os melhores preços.

Amazon
Submarino
Americanas
Saraiva

Espero que tenham gostado da resenha!!

Beijos!
;*

5.22.2017

Parceria Editora Alicanto!!

Heeeeeyyy meu amores!!

Hoje eu vim aqui compartilhar com vocês uma noticia maravilhosa!!! Na verdade, não é muito recente mas, eu achei que já havia postado aqui essa parceria mas por uma falha garvíssima minha ainda não havia sido liberada.

Então, sem mais delongas, eis que a Editora Alicanto escolheu o Salada para fazer parte da lista de parceiros de 2017. É ou não é uma notícia maravilhosa??

Editora Alicanto,  uma nova editora com um antigo objetivo ; Publicar bons livros.Alicanto é uma ave mítica do deserto do Atacama que se alimenta de ouro. Não poderia ser outro nosso nome, já que o alimento da Editora Alicanto também é um tesouro precioso; a boa literatura.  E assim são nossos livros, tesouros literários que enriquecem a mente e alimentam a alma. Apesar de novos, chegamos ao mercado com fome dos maiores tesouros que pudermos encontrar ,intrínseco a um antigo ideal: publicar bons livros. Não vemos o livro meramente como um produto, mas como uma peça de arte, uma pequena revolução que pode encantar ,transformar mentes e corações. Sob um modelo de publicação tradicional, investimos em obras que merecem e que valem a pena ser levadas ao público leitor, recebendo  de mente aberta  toda e qualquer forma de originalidade editorial,tesouros literários que enriquecem a mente e alimentam a alma.

Então é isso gente, espero que vocês estejam tão felizes com a notícia quanto eu, isso significa mais conteúdo para vocês.

Super beijos!!

;** 

Promoção Editora Valentina + Saraiva [Só coisa boa]

Olááááá pessoas lindas!!!

O post de hoje é um pouco diferente dos que normalmente faço, resolvi ser um pouco útil para vocês e postar de vez em quando aqui algumas promoções maravilhosas para vocês aproveitarem.

E pra começar muito bem essa nova proposta aqui no blog, vou anunciar uma das parcerias mais love que vi esse ano que é Valentina + Saraiva, todos os livros já lançados da Valentina estão com 50 % de desconto nas lojas online da Saraiva.

Vou deixar aqui abaixo alguns links pra quem quiser aproveitar e comprar os desejados!


















Mas, sejam rápidos pessoal, essa promoção só vai do dia 22 a 28 de maio, então corram lá e aproveitem!

Beijos!!




5.15.2017

Resenha "As 100 Piores Ideias Da História" - Editora Valentina


Eai Galera, tudo bem? Muito que bem então.

Hoje trouxe uma resenha bem 'diferentona,' vamos falar o quanto a humanidade errou pra fazer as coisas darem certo, ou o quanto não devemos duvidar da nossa capacidade de fazer M*rda, com fatos de te deixar boquiaberto, e se sentir bem pois as suas cagadas serão um grão de areia comparado ao que nos é apresentado nesse livro.

Uma leitura gostosa e informativa!



Sinopse: Aí você pergunta: quem foi o gênio por trás disso? O que essa gente tinha na cabeça?!?!? Desde que Adão deu uma mordida no fruto proibido e foi expulso nu em pelo do Jardim do Éden, a humanidade tem tido uma ideia pior do que a outra. De líderes políticos obtusos e cientistas loucos a cantores pop que não cantam bulhufas, “As 100 Piores Ideias da História” é uma celebração das mancadas homéricas – e muitas vezes histéricas – que deram origem a guerras, afundaram países, arruinaram empresas, destruíram carreiras, causaram prejuízos de milhões e até, pasmem, ameaçaram a Terra. Abrangendo política, cultura popular, moda, esporte, tecnologia, ciência, showbiz e muitas outras áreas, este livro irreverente e espirituoso, divertido e criativo, escrito por um publicitário e um jornalista, é recheado com fotos engraçadas e informações úteis, mostrando de forma bem-humorada como sacadas (burradas, na verdade) geniais se transformaram em frias estupidamente geladas (e bota geladas nisso!) – e o incrível efeito que essas gafes e mancadas ainda têm sobre o mundo e nossas vidas. E, no final (UFA!), más ideias que se tornaram ótimas. Prepare-se para boas risadas.

O livro em si é uma sátira a burrice humana, sempre que eu aprendo algo novo ou histórico sinto uma sensação diferente, algo que eu nunca vou esquecer (não pelo menos durante enquanto eu leio o livro), e As 100 Piores Ideias Da História te da uma surra de informações sobre determinado assunto referente a ideias bem ruins, muitas vezes informações inúteis mas que não deixam de ser úteis em um churrasco ou rodinha de amigos fora isso não serve pra mais nada, mas calma porque vale muito a pena a leitura. 



Fatos interessantes e hilários tal como um chofer leva um chefe de estado até o seu assassino e assim damos inicio a primeira guerra mundial ( esse é o fato interessante), ou criar uma dupla de cantores que não cantam é o caso do Milli Vanilli dupla de sucesso dos anos 80, desmascarados ao vivo "lypsyncando" uma gravação que deu pau e ficar por muito tempo repetindo a mesma parte da musica numa premiação da MTV, uma outra péssima ideia de recusar produzir, uma das franquias mais bem-sucedidas da história, estamos falando a obra de ficção científica do até então desconhecido George Lucas sim o cabeça por trás de Star Wars.


Genialidade do Publicitário Michael N. Smith, e do Jornalista Eric Kasum, As 100 Piores Ideias Da História acondiciona em um volume lindo, e com diagramação impecável reúne as piores sacadas da humanidade que se transformaram nas melhores roubadas, super recomendado livro pra leitura numa tarde de feriado ou de férias, pra entreter e melhorar o dia de quem lê, pois ao ler eu me senti bem melhor, pois as m*rdas que já fiz não são nada comparadas as que tem aqui!

Nota: 3,9 no Skoob

Vale muito a leitura! 

Links para compra

Obrigado e volte Sempre!















5.10.2017

Lançamento "Big Rock" - Faro Editorial.

Olá pessoas, tudo bem com vocês??

Hoje vamos falar de lançamentos!

A Faro Editorial, está lançando agora em maio o primeiro romance da Lauren Blakely aqui no Brasil. Best-seller do New York Times com quase 2 milhões de exemplares vendidos, a autora é um dos novos nomes do romance feminino contemporâneo.

Pra quem não conhece a Faro, vou deixar aqui o link da editora pra vocês conhecerem um pouco mais e, pra quem já conhece a editora assim como eu, sabe que o catalogo deles é maravilhosos e eles arrasam nas publicações.

São vários os livros da editora que eu li e me apaixonei (principalmente os romances) mas, vamos ao super lançamento da vez.


SINOPSE: “A maioria dos homens não entende as mulheres.”
Spencer Holiday sabe disso. E ele também sabe do que as mulheres gostam.
E não pense você que se trata só mais um playboy conquistador. Tá, ok, ele é um playboy conquistador, mas ele não sacaneia as mulheres, apenas dá aquilo que elas querem, sem mentiras, sem criar falsas expectativas. “A vida é assim, sempre como uma troca, certo?”Quer dizer, a vida ERA assim.
Agora que seu pai está envolvido na venda multimilionária dos negócios da família, ele tem de mudar. Spencer precisa largar sua vida de playboy e mulherengo e parecer um empresário de sucesso, recatado, de boa família, sem um passado – ou um presente - comprometedor... pelo menos durante esse processo.Tentando agradar o futuro comprador da rede de joalherias da família, o antiquado sr. Offerman, ele fala demais e acaba se envolvendo numa confusão. E agora a sua sócia terá que fingir ser sua noiva, até que esse contrato seja assinado.O problema é que ele nunca olhou para Charlotte dessa maneira – e talvez por isso eles sejam os melhores amigos e sócios. Nunca tinha olhado... até agora.


Este é o primeiro romance da autora Lauren Blakely no Brasil, uma das autoras mais vendidas da atualidade. A marca de Lauren são as histórias contadas sob a ótica masculina, construindo personagens fortes, inteligentes, contemporâneos  que fazem a cabeça das leitoras.

Você pode olhar e pensar "Ah Ana, é só mais um livro falando de um CEO maravilhoso que fica com a garota que trabalha com ele" bom, pode ser mas, estou super apostando nesse livro pelo fato da autora ter escrito sob a ótica masculina e outra, se o livro for bom, não importa a quantidade de livros do mesmo estilo por ai, a experiencia com certeza será inédita. 

Eu como uma boa leitora amante de romance, principalmente os hot, quero muito ler Big Rock e espero voltar aqui com opiniões positivas para vocês.


"Este livro é o mais divertido que li nos últimos anos. Spencer é um herói perfeito: macho alfa com dez tons de charme, muitos centímetros de prazer e o oposto de um cretino.Cada página me fazia sorrir e, no momento em que fechava o livro, era o meu marido quem estava a ponto de sorrir também."CD REISSAUTORA DA SUBMISSION SERIES


Sobre a autora:LAUREN BLAKELY vive na Califórnia com sua família e teve a inspiração para cada uma de suas histórias enquanto passeava com seus cachorros. É reconhecida pelo seu estilo de romance contemporâneo: quente, romântico e divertido. Com catorze best-sellers, seus títulos aparecem no topo das listas do The New York Times e do USA Today e já venderam mais de 1,5 milhão de exemplares. O próximo lançamento no Brasil será Mister O, também pela Faro Editorial. Ambos inovam ao contar uma história romântica do ponto de vista masculino. 



E ai, o que vocês acharam da ideia do livro?? Eu estou ansiosa para ver como a autora trabalhou a perspectiva masculina.

Ficha Técnica
Título: Big Rock
Nº de págs:224
Preço: 36,90 

Espero que tenham gostado do post, não se esqueçam de deixar seus comentários e se já leram algo da autora me digam o que esperar por favor.

Super beijos!!
;*
Ana.